Administração de Benefícios Sociais

O módulo de Benefícios Sociais permite controlar a política de benefícios oferecidos aos empregados pela empresa. Disponibiliza aos administradores os meios para extrair um perfil da aplicação dos benefícios, e possibilitar análise de impacto no orçamento da empresa. Os lançamentos são on-line, permitindo a obtenção de informações precisas e instantâneas sobre a posição da conta de benefícios. Estas informações podem ser referentes a empresa, centro de custo, lotação, ou funcionário e seus dependentes. Está integrado aos demais módulos do sistema de Recursos Humanos.

Características Principais

  • Permite registrar todos os benefícios disponíveis para os funcionários e dependentes, definindo qual é a participação da empresa e do funcionário nos custos. A contabilização é automaticamente feita por intermédio da Folha de Pagamento;
  • Permite registrar e manter históricos de valores referentes aos benefícios oferecidos aos funcionários, podendo armazenar um número ilimitado de períodos;
  • Permite registrar cada benefício pelo seu respectivo prestador de serviços e o histórico de utilização. Isto não é obrigatório. Fornece meios de racionalização e de melhoria da qualidade dos serviços. Emite extratos para conferência de faturas dos prestadores de serviços. Desta maneira, pode-se facilitar a aprovação das faturas. Podem ser efetuadas consultas por centro de custo, lotação e funcionário/dependentes;
  • Permite a verificação da utilização de cada benefício pelo funcionário e seus dependentes. Desta forma, é realizado o controle sobre a forma de distribuição. Permite a apuração, na Folha de Pagamento, do custo real do funcionário, por unidade de lotação ou individualmente. O custo real inclui remuneração, décimo terceiro, encargos e benefícios;
  • Realiza o controle sobre linhas de transporte, concessionárias/prestadores de serviço e distribuição de vales transporte. Administra ainda o desconto dos benefícios, as rotinas de devolução e de complemento de valores;
  • A atualização dos movimentos pode ser efetuada de forma on-line, por importação de dados, ou por geração parametrizada;
  • Possibilita planejamento e previsão de despesas;
  • Permite a emissão de relatórios de Benefícios em Aberto, Histórico de Benefícios e Benefícios Gerados para a Folha de Pagamento.

Visão Geral

O salário pago em relação ao cargo ocupado constitui somente uma parcela do pacote de compensações que as empresas costumam oferecer aos seus empregados. A remuneração pode ser feita de muitas outras formas. Além do salário, uma considerável parte da remuneração total é constituída de benefícios e serviços sociais. Estes constituem custos com pessoal que pesam sobre as empresas.

Um dos custos de maior relevância e importância para as empresas é representado pela remuneração direta ou indireta dos seus empregados, em todos os níveis hierárquicos. A remuneração direta, isto é, o salário, é proporcional ao cargo ocupado. Por outro lado, a remuneração indireta, isto é, os serviços e os benefícios sociais são comuns a todos os empregados, independente do cargo por eles ocupado. Algumas empresas têm desenvolvido planos de benefícios para diferentes níveis de empregados: diretores, gerentes, chefes e empregados mensalistas ou horistas, por exemplo.

Os Benefícios Sociais são aquelas facilidades, conveniências, vantagens e serviços que as organizações oferecem aos seus empregados, no sentido de poupar-lhes esforços e preocupações. Podem ser financiados, parcial ou totalmente, pela empresa. Contudo, constituem sempre meios indispensáveis na manutenção da força de trabalho dentro de um nível satisfatório de moral e produtividade.

Principais fatores de crescimento dos planos de serviços e benefícios sociais nas empresas

  • Exigências dos empregados quanto aos benefícios sociais;
  • Exigências dos sindicatos nas negociações coletivas;
  • Legislação trabalhista e previdenciária imposta pelo governo;
  • Competição entre as empresas na disputa pelos recursos humanos disponíveis, seja para atraí-los ou para mantê-los;
  • Altos impostos atribuídos às organizações e aos empregados: ambos passaram a localizar e a explorar meios lícitos de fazer deduções de suas obrigações tributárias.

Em muitas empresas, o aparecimento dos planos de benefícios e serviços sociais foi inicialmente orientado para uma perspectiva paternalista e limitada, justificada, em geral, pela preocupação de reter mão-de-obra e baixar a rotatividade de pessoal. Esta preocupação é muito maior nas empresas cujas atividades se desenvolvem em condições rudes e adversas. A ideia de fornecer benefícios e serviços sociais aos empregados logo se espalhou às demais empresas. Nos dias de hoje já se vê no pacote de serviços e benefícios sociais uma maneira eficaz de atrair recursos humanos qualificados.

Tipos de Benefícios Sociais

  • Benefícios Legais são os exigidos pela legislação trabalhista ou previdenciária ou ainda por convenção coletiva entre sindicatos. Alguns são pagos pela empresa e outros pelos órgãos previdenciários.
    - Exemplo: 13º salário, Férias, Aposentadoria, Auxílio Doença, Salário Maternidade, Horas Extras, Vale Transporte, etc.
  • Benefícios Espontâneos são os concedidos por livre opção das empresas. Eles não são exigidos por lei nem por negociação coletiva.
    - Exemplo: Gratificações, Seguro de Vida em Grupo, Refeições, Transportes, Empréstimos, Assistência Médica, etc.

Vantagens dos Benefícios

Para a Organização

  1. Eleva o moral dos empregados;
  2. Reduz o Turnover (isto é, a entrada e saída de recursos humanos na empresa);
  3. Eleva o nível de lealdade do empregado para com a empresa;
  4. Aumenta o bem-estar do empregado;
  5. Facilita o recrutamento e a retenção do pessoal;
  6. Aumenta a produtividade e diminui o custo unitário de trabalho;
  7. Demonstra as diretrizes e os propósitos da empresa para com os empregados;
  8. Reduz distúrbios e queixas;
  9. Promove relações públicas com a comunidade.

Para o Empregado

  1. Oferece conveniências não quantificáveis em dinheiro;
  2. Oferece assistência disponível na solução de problemas pessoais;
  3. Aumenta a satisfação no trabalho;
  4. Contribui para o desenvolvimento pessoal e bem-estar individual;
  5. Oferece meios de melhor relacionamento social entre os empregados,
  6. Reduz sentimento de insegurança;
  7. Oferece oportunidades adicionais de assegurar status social;
  8. Oferece compensação extra;
  9. Melhora as relações com a empresa;
  10. Reduz as causas de insatisfação.

Os custos dos planos de Benefícios Sociais podem ser totalmente pagos pela organização, rateados proporcionalmente entre a organização e os empregados, ou pagos integralmente pelos empregados.

Interessado? Solicite um orçamento aqui Solicitar Orçamento

Solicitar Orçamento

Para mais informações, preencha o formulário abaixo e nossa equipe entrará em contato o mais breve possível.

*Campos obrigatórios